Momento Da Política - Merval Pereira

Synopsis

Com a perspicácia de quem conhece os bastidores do poder, o comentarista analisa os fatos políticos mais relevantes do dia.

Episodes

  • A troca de um novo imposto pela desoneração da folha é uma boa jogada do governo

    'A troca de um novo imposto pela desoneração da folha é uma boa jogada do governo'

    28/09/2020 Duration: 05min

    Merval Pereira analisa a segunda etapa da reforma tributária que deve ser apresentada hoje pelo governo. O texto prevê a criação de um imposto para compensar a desoneração da folha de pagamento. 'Isso pode passar se o Centrão apoiar'.

  • Bolsonaro não vai abrir mão desse instrumento de popularidade

    'Bolsonaro não vai abrir mão desse instrumento de popularidade'

    25/09/2020 Duration: 05min

    Merval Pereira comenta a pesquisa que mostra o forte ganho de popularidade do presidente e afirma que a ligação desse crescimento com o auxílio emergencial é evidente. Por isso, o governo não vai querer abrir mão de encontrar uma maneira de continuar pagando parcelas de R$ 300 à população.

  • Governo já tem tudo pronto para o novo programa, mas não tem dinheiro

    'Governo já tem tudo pronto para o novo programa, mas não tem dinheiro'

    24/09/2020 Duration: 05min

    Merval Pereira fala sobre o programa que o Governo Federal quer lançar para substituir o Bolsa Família. A ideia seria manter o auxílio emergencial de R$ 300 no ano que vem. Comentarista destaca que o valor é o dobro do Bolsa Família, e a abrangência é muito maior. Se mexer no teto de gastos, haverá "uma crise econômica brutal".

  • Bolsonaro parecia que estava falando em uma live para os seus seguidores

    'Bolsonaro parecia que estava falando em uma live para os seus seguidores'

    23/09/2020 Duration: 06min

    Merval Pereira faz uma análise do discurso do presidente Bolsonaro na abertura da Assembleia-Geral da ONU. 'Nenhuma informação dele bate com nada. Não existe essa combinação entre realidade e versão oficial'.

  • Bolsonaro repete barbaridades em discurso na ONU

    Bolsonaro 'repete barbaridades' em discurso na ONU

    22/09/2020 Duration: 08min

    O discurso de Jair Bolsonaro na Assembleia da ONU em 2020 adotou um tom de menos confronto, mas 'repetiu todas as barbaridades que ele diz frequentemente', afirma Merval Pereira. O presidente acusou uma conspiração internacional contra o Brasil na questão do meio ambiente e disse que essa agenda no país é bem sucedida. 'Bolsonaro não acha que as queimadas façam mal ao meio ambiente, ele não acha que isso seja um problema sério do Brasil', diz o comentarista.

  • O que esperar do discurso de Bolsonaro na Assembleia Geral da ONU

    O que esperar do discurso de Bolsonaro na Assembleia Geral da ONU

    21/09/2020 Duration: 07min

    Merval Pereira afirma que o governo brasileiro não deve confrontar as nações que estão criticando o Brasil. Comentarista destaca que, no ano passado, o discurso do presidente foi um erro diplomático e ele não deve adotar a mesma linha neste ano. Em sua avaliação, Bolsonaro, de uns tempos para cá, tem tentado fazer parte das entidades e organismos internacionais, mesmo que ele não goste. "Parece que ele está tentando conviver nesse mundo multilateral", avalia.

  • Na pandemia, Brasília parece estar em outra realidade

    Na pandemia, 'Brasília parece estar em outra realidade'

    18/09/2020 Duration: 06min

    Merval Pereira avalia que as principais figuras dos três poderes dão mau exemplo em relação às medidas para conter o novo coronavírus. 'O exemplo das autoridades, a começar pelo presidente da República, é básico para que a população se conscientize.

  • Depoimentos de Temer abrem precedente favorável a Bolsonaro

    Depoimentos de Temer abrem precedente favorável a Bolsonaro

    17/09/2020 Duration: 05min

    A Advocacia-Geral da União protocolou um recurso contrário à decisão de Celso de Mello que obriga Bolsonaro a prestar depoimento presencial na investigação de supostas interferências na PF. O governo alega que, recentemente, o ex-presidente Temer teve o direito de prestar dois depoimentos por escrito. Merval Pereira explica que as leis sobre o assunto não são claras, mas avalia que Supremo pode acabar tomando decisão favorável ao presidente.

  • Bolsonaro está abalado com impossibilidade de fazer o Renda Brasil

    'Bolsonaro está abalado com impossibilidade de fazer o Renda Brasil'

    16/09/2020 Duration: 06min

    Merval Pereira avalia que Bolsonaro ficará em situação difícil após fim do auxílio emergencial, já que também não colocará em prática as propostas do Renda Brasil. Ainda assim, Merval considera que o presidente pode tentar novos programas sociais. 'Tendência dele é querer dar mais dinheiro que o Bolsa Família, mas isso vai ser muito difícil', afirma. O comentarista avalia, ainda, que se Bolsonaro abrir mão de um projeto liberal, poderá ganhar apoio de uma parte do eleitorado, mas vai acabar agravando a crise econômica.

  • Não é bom para a democracia que alguma Igreja tenha força política

    'Não é bom para a democracia que alguma Igreja tenha força política'

    15/09/2020 Duration: 07min

    A polêmica proposta no Congresso de anista da dívida de R$ 1 bilhão das igrejas evangélicas reacendeu o debate sobre a relação do Estado com essas instituições. 'É um retrocesso político inacreditável. A separação da igreja do Estado é uma conquista da civilização', critica Merval Pereira.

  • É um absurdo um presidente incentivar os políticos a vetarem sua própria sanção

    'É um absurdo um presidente incentivar os políticos a vetarem sua própria sanção'

    14/09/2020 Duration: 05min

    Merval Pereira fala sobre a atitude do presidente de vetar parcialmente o perdão das dívidas das igrejas. 'O problema de Bolsonaro é que ele é dúbio em muitas coisas'. Ele acrescenta Bolsonaro é um presidente sem noção do cargo que ocupa e das responsabilidades que tem.

  • Depoimento não deve trazer grandes problemas para Bolsonaro

    Depoimento 'não deve trazer grandes problemas' para Bolsonaro

    11/09/2020 Duration: 09min

    Nesta sexta-feira, o ministro Celso de Mello, do STF, determinou que Bolsonaro preste um depoimento presencial sobre a suposta interferência na Polícia Federal. Para Merval Pereira, decisão demonstra independência do Supremo, mas não deve prejudicar muito o presidente. Na análise de Merval, Bolsonaro vai depor em um 'ambiente bem mais favorável' do que há alguns meses.

  • Bolsonaro é ignorante no que diz respeito à pandemia

    Bolsonaro é 'ignorante' no que diz respeito à pandemia

    10/09/2020 Duration: 06min

    Declarações que vieram a público recentemente mostram que Donald Trump sabia da gravidade da Covid-19, mas tentou esconder o problema. Merval Pereira compara a situação com a realidade brasileira e avalia que Bolsonaro sequer compreendeu os perigos do novo coronavírus. Troca na presidência do STF também está entre os destaques.

  • É imoral que advogados atuem em tribunais onde têm parentes juízes

    É 'imoral' que advogados atuem em tribunais onde têm parentes juízes

    09/09/2020 Duration: 07min

    Merval Pereira analisa operação da Polícia Federal na manhã de hoje. 'Quando a Lava-jato está pressionada, solta uma investigação importante', afirma. O comentarista também destaca que a operação traz à tona diversas suspeitas e discussões a respeito da atuação de advogados.

  • Atuação independente e autônoma da Lava-jato não interessa a Bolsonaro

    Atuação 'independente e autônoma' da Lava-jato não interessa a Bolsonaro

    04/09/2020 Duration: 07min

    Merval Pereira diz que o procurador-geral da República, Augusto Aras, tem demonstrado ser uma pessoa autoritária, assim como o presidente. Segundo o comentarista, Aras quer controlar todas as informações para uso político delas. 'O sonho de ser ministro do Supremo faz com ele entre num acordo geral com o bolsonarismo e com o próprio presidente', diz.

  • Procurador-geral está, aos poucos, minando as principais forças-tarefas da Lava-jato

    Procurador-geral está, aos poucos, 'minando as principais forças-tarefas da Lava-jato'

    03/09/2020 Duration: 04min

    Merval Pereira faz uma análise sobre o pedido de demissão coletiva de sete procuradores da Lava-jato em São Paulo. Ele destaca que Augusto Aras, ao minar a força-tarefa, não só se coloca como uma alternativa para Bolsonaro na escolha do substituto de Celso de Mello, como no mínimo ganha mais força enquanto Procurador-geral.

  • Aras continua com a Lava-jato na mira dele

    'Aras continua com a Lava-jato na mira dele'

    02/09/2020 Duration: 07min

    Merval Pereira falou da saída de Deltan Dallagnol, da coordenação da Lava-jato em Curitiba. Merval conta que conversou com Dallagnol para saber se havia algo além da doença da filha dele que tivesse motivado a decisão de deixar o posto. Na transição, o procurador-geral da República, Augusto Aras, foi derrotado duas vezes. Uma foi a prorrogação da operação e a outra foi a troca de funções entre Dallagnol e Alessandro Oliveira, um entusiasta da operação. A sugestão da mudança partiu do próprio Dallagnol.

  • Certas decisões judiciais dá para ficar com a pulga atrás da orelha

    'Certas decisões judiciais dá para ficar com a pulga atrás da orelha'

    01/09/2020 Duration: 07min

    O afastamento de Wilson Witzel do cargo de governador do Rio em decisão monocrática do ministro do STJ, Benedito Gonçalves, levantou discussões sobre a influência de Jair Bolsonaro nas decisões do judiciário. Merval Pereira destaca também a relação do PGR, Augusto Aras, com a família do presidente. 'Há muitas indicações de que Bolsonaro, com a perspectiva de indicar dois ministros ao STF, esteja usando isso para ter a boa vontade de membros dos tribunais superiores que são candidatos a vaga', questiona Merval.

  • Supremo Tribunal Federal não deve se antecipar a uma decisão do plenário do STJ

    'Supremo Tribunal Federal não deve se antecipar a uma decisão do plenário do STJ'

    31/08/2020 Duration: 07min

    Merval Pereira analisa a expectativa em relação ao recurso apesentado pela defesa de Wilson Witzel ao Supremo Tribunal Federal contra a decisão do STJ de afastá-lo do cargo de governador do RJ por 180 dias. O recurso já está na mesa de Dias Toffoli, presidente do STF. Merval não acredita que Toffoli vá tomar nenhuma decisão, já que está marcada para quarta-feira a reunião do plenário do STJ para analisar a decisão do ministro Benedito Gonçalves.

  • Afastamento de Witzel é bom para Bolsonaro, mas não há conspiração

    Afastamento de Witzel é bom para Bolsonaro, mas não há conspiração

    28/08/2020 Duration: 06min

    Merval Pereira avalia que o afastamento do governador, politicamente, é bom para a família Bolsonaro. Entretanto, ele não acredita que o STJ tenha feito isso como farsa para ajudar o presidente.

page 1 from 2